Jogador mais experiente do elenco rubro-negro, o goleiro Magrão já disputou quatro edições da Copa do Nordeste do Sport. Em todas, conseguiu a classificação para a fase de mata-matas, conquistando o título em 2014. E com tamanha bagagem, o camisa um acredita que a derrota por 2 a 1 para o Sampaio Corrêa, pela última rodada da fase de grupos, pode servir para que o grupo entre mais ligado na fase eliminatória.

O ídolo leonino reconheceu que faltou motivação na partida do Castelão. Fator que pesou no revés. “Entramos devagar. Principalmente no primeiro tempo. No segundo, mudamos um pouco a nossa atitude e conseguimos criar algumas chances. Mas o problema todo foi na etapa inicial”, pontuou.
Erros que, para Magrão, servem de aprendizado para a equipe. “Tudo serve de alerta. Temos que tirar lições das coisas boas e ruins. Não podemos cometer essa quantidade de erros nos próximos jogos. Ao mesmo tempo, vamos trabalhar para melhorar nossos pontos positivos”, finalizou.
Classificado como um dos melhores primeiros colocados, o Sport estará presente no pote 1 do sorteio das quartas de final. Assim, terá como adversário nas quartas de final River-PI, Campinense, Sergipe e Itabaiana-SE, com direito de fazer o jogo de volta na Ilha do Retiro.

DEIXE UMA RESPOSTA